“Mas que horas você escreve???!!!” por Dra. Vanessa Aguiare

Queridas leitoras;

Foi uma grande honra ser convidada para participar dessa sessão de bate-papo do site Revendoblog, e é ainda mais gratificante porque escrevo de mulher para mulheres!

Passada a animação, comecei a pensar no que escrever, e acreditem, tenho milhões de assuntos para compartilhar com vocês! Vamos conversar sobre questões de saúde da mulher, bater um papo sobre filhos, carreira, mulheres na política e nos esportes… Mas qual seria o assunto mais legal para inaugurar a coluna?

Foi então que pensei – Por que não falar de todos juntos?

É amigas… O mundão aí fora não está fácil não. Ainda mais para nós!

Contando minha história rapidinho, para vocês entenderem sobre o que eu gostaria de falar, é seguinte: Mulher, idade entre 35-40 anos (não conto de verdade!), médica pediatra, chefe de Maternidade, esposa, mãe de duas meninas lindas (corujando aqui!), de sete e dez anos, escritora de ficção científica (3 livros publicados!!!), e, recentemente, política!

Eu me lembro que, quando comecei a dar entrevistas para jornais e revistas, por causa dos livros, a primeira coisa que os repórteres queriam saber era: Mas com tudo isso, que horas, você escreve?!

Alguns iam mais além e completavam a pergunta: Mas você consegue ser uma boa médica e escrever ao mesmo tempo? Ou ainda: Dá para organizar tudo no seu dia? Por exemplo, ser mãe e ainda assim escrever e dar plantões? Mas, e seu marido?  

E a minha resposta é exatamente o que eu quero falar para vocês hoje; Claro que dá!

Sim! Podemos ser ótimas mães e trabalhar ao mesmo tempo.

Sim! Podemos ter bons casamentos e criar os nossos filhos.

Sim! Podemos e temos o direito de procurar melhores carreiras para nós mesmas!

Sim! Podemos fazer o que quisermos!

É um espanto para mim, que em pleno século XXI, algumas pessoas ainda questionem o papel da mulher na economia, nas artes, nos esportes, no mundo! Ou alguém pergunta para um homem em que horas ele olha os filhos? Ou como fica a mulher dele enquanto ele se desdobra em dois trabalhos?

Não gosto de pensar em termos de “melhor” ou “pior” quando comparamos mulheres aos homens. Costumo dizer que somos APENAS biologicamente diferentes, e isso é tudo. Capacidade, nós temos e de sobra!

O caminho do sucesso não é fácil. Não vem de mão beijada. E não – não há idade certa para começar! Você não está muito velha, ou sua fase já passou… sabe qual a pior coisa que podemos fazer? Acomodar-nos!

Saia já da sua zona de conforto! Arrisque, tente, procure!

Você pode ser rejeitada, as coisas podem não sair como você esperava… Mas quer saber? Isso não importa!

Oprah Winfrey – aquela apresentadora de televisão famosíssima-, foi rejeitada várias vezes em testes para a televisão. Disseram que ela não tinha o que as câmeras gostavam…. Hum… Certo! As pessoas que a rejeitaram devem se lamentar até hoje!

Portanto meninas, organizem seus dias, e lutem pelo que desejam! E isso pode incluir trabalhar fora, curtir um livro, fazer um curso, ter filhos – ou não! -, aprender culinária, sair com as amigas… Qualquer coisa que faça você se sentir bem!

Jamais se esqueçam de vocês! Nós temos essa tendência, não temos? E como temos! Não deixem que a sociedade diga o que devemos ou não fazer.

Para dar certo, só basta começar!

Foi um imenso prazer bater esse papo com vocês!

Nos vemos na próxima coluna!

Um grande beijo!

 

Dra. Vanessa Aguiare.

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*